Colaboradora: DRA. MARIA ISABEL JACOBUS PEZZI

A escova de dente não é apenas uma arma contra a cáries. A boa saúde bucal diminui o risco de desenvolvimento de doenças respiratórias, segundo estudo da University of Buffalo, publicado no Journal of Periodontology. Os pesquisadores analisaram 13.792 pacientes, com idade superior a 20 anos, e concluíram que nos portadores de doenças periodontais, a função pulmonar era pior do que nos que tinham a gengiva saudável.
De acordo com Paulo Roberto Pereira, ex-presidente da Sociedade Brasileira de Periodontologia, placas bacterianas que se acumulam na gengiva podem se infiltrar nos microvasos sanguíneos existentes na boca e chegar ao trato respiratório ou digestivo. Em pessoas cujo sistema imunológico está debilitado, as bactérias propiciariam o desenvolvimento de infecções. “A boca é a porta de entrada do organismo”, diz Pereira.
“As condições orais não são para causar infecção, mas associadas ao fumo, a poluentes atmosféricos e fatores genéticos, podem piorar a atividade respiratória”, conta Frank Scannapieco, da Escola de Medicina Dental da university of Buffalo, que mediu a capacidade respiratória dos voluntários.
“Não estamos dizendo que se você não escovar os dentes, você vai desenvolver infecção pulmonar. Mas, se você já tem problemas respiratórios, é melhor cuidar dos dentes”, diz Scannapieco.

Dra. Maria Isabel Jacobus Pezzi
Cirurgiã Dentista / Especialista em Periodontia – CRO/RS 3768